Seguidores

sábado, 28 de abril de 2007

Amor Proibido




♥ﺅﺊﺋﺋﺅﺊﺋ♥ﺅﺊﺋﺋﺅﺊﺋ♥ﺅﺊﺋﺋﺅﺊﺋ♥ﺅﺊﺋﺋﺅﺊﺋ♥

É àquele amor feito... destrui/dor.
Fascinante. Obscuro. Inquisidor.
Meio cafageste. Quebra regras.
Sem compromisso. Passional.

Entra sem licença. Tipo animal.
Invadiu. Adentrou. Possuiu!
Mesmo assim você está à fim.

Não resiste. Come na mão dele.
E ele se aproveita da sua "fraqueza".
Só vai se arriscar, inteira. Com certeza!

Ao saber que o amor é pra valer. Beleza!
Há aí um misto de prudência com carência.
Jogo de seduções. Impulsos e atrações.

Saiba curtir as paixões. Degustar ilusões.
É conquista de mão dupla. Complexa!
Mentiras e verdades que se multiplicam.

Cada um tem a sua versão. Como se complicam...
São entregas com/sem reservas. Almas que padecem.
Para o amor pleno não pode haver proibição.

A não ser a proibição cênica de fingir amor.
Como bem o disse o poeta..."que não há mais dor
que a dor de não poder se dar amor".

Mas sabemos que nessa questão quem manda...
ordena, equaciona e comanda é o coração que demanda.
Qual seria então a solução? Tomar uma posição!

Atitude. Serenidade. Intuição. Enfrentar a situação.
Nada dói mais numa relação que a indecisão.
Adiar é sofrimento. É viver em acomodação.

Estar nessa adrenalina sedimenta dúvida em profusão.
Disperse. Desocupe. Vá no rumo ou perca o prumo.
Enfrente o amor proibido. Torne-o válido. Dê guarida!

Se for pra sua felicidade...pague o preço.Viva-o querida.
Pode ser um bom começo. Se você intui e sente...
Vá em frente. Proibição de amor não funciona. AMA!

Danem-se as convenções. Só o amor importa. Conforta.
Realiza. Consola. São almas nascidas para as provações.
Que um amor assim tenha a sorte de vencer até à morte...

Os infortúnios, desencontros, peripécias, armadilhas.
Almas que se unem tudo suportam. Vencem impecilhos.
Não haverá proibição. Impera a grandeza do amor!

ﺅﺊﺋ♥ﺅﺊﺋﺋﺅﺊﺋ♥ﺅﺊﺋﺋﺅﺊﺋ♥ﺅﺊﺋﺋﺅﺊﺋ♥ﺅﺊﺋﺋﺅﺊﺋ♥ﺅﺊﺋﺋﺅﺊﺋ♥ﺅﺊﺋ♥ﺅﺊ

Hildebrando Menezes
Brasília/DF, 29/04/2007

3 comentários:

Wagner disse...

A esse amor proibido lindo poema a foto da da Fabi mais linda ainda so podia ser obra desse grande amigo.

APRENDIZ DE POETA disse...

Graaaande Wagner
Eu ia colocar uma foto sua ao lado dela mas vc sumiu com suas fotos...então vão duas dela. OK?! Ah! Este poeminha meio maroto foi
escrito atendendo a uma sugestão dela própria na Comú do Aprendiz de Poeta.
Parece que ela não gostou
do q o amigo escreveu. Mas cê sabe, né? Não sou mto de ficar escolhendo palavras para descrever um assunto tão polêmico. Prefiro e gosto mesmo é de parodiar os poemas dela pela afinidade q encontro na forma e na essência de descrever o amor que a nossa alma apreendeu em conversar de forma limpa, transparente e honesta.Ah!
Xá te confessar...sinto um orgulho enorme da sua e da amizade dela. Abraços Hilde

fabi disse...

Passalinho

Nossa, q poema lindo meu querido, vc sempre me surpreendendo ...
Q bom q vc existe, q bom q és meu amigo...
Hild hj é seu niver mas quem ganhou o presente fui eu...ganhei um verdadeiro e querido amigo...q amo de coraçáo...
Obrigada por existir em minah vida...te amo meu amigo...parabéns, felicidades sempre...beijos